|e-session| Renata + Eduardo

Por Você (Frejat)

Por você eu dançaria tango no teto,
Eu limparia os trilhos do metrô,
Eu iria a pé do Rio a Salvador…
Eu aceitaria a vida como ela é,
Viajaria a prazo pro inferno,
Eu tomaria banho gelado no inverno.
Por você… Eu deixaria de beber,
Por você… Eu ficaria rico num mês,
Eu dormiria de meia pra virar burguês.
Eu mudaria até o meu nome,
Eu viveria em greve de fome,
Desejaria todo o dia a mesma mulher…
Por você… Por você…
Por você… Por você…
Por você,
Conseguiria até ficar alegre,
Pintaria todo o céu de vermelho,
Eu teria mais herdeiros que um coelho.
Eu aceitaria a vida como ela é,
Viajaria à prazo pro inferno,
Eu tomaria banho gelado no inverno.
Eu mudaria até o meu nome,
Eu viveria em greve de fome,
Desejaria todo o dia a mesma mulher.
Por você… Por você…
Por você… Por você…
Eu mudaria até o meu nome,
Eu viveria em greve de fome,
Desejaria todo o dia a mesma mulher…
Por você…. Por você…
Por você…. Por você…
Por você…. Por você…
Por você…. Por você…

pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia, pre-casamento, pre-wedding, e-session, fotografia de casal, casal, gustavo dragunskis, gustavo dragunskis fotografia,

{Todo Amor Que houver Nesta Vida} A história do Sr. Sebastião

O que fazer quando se perde um filho? O que fazer para continuar vivendo com uma dor insuportável que lhe arranca todo dia um novo pedaço? Entregar, morrer ou superar?
O que fazer para superar e compreender que ainda que quiséssemos nosso filho ao lado, creio que não existiria no universo um lugar melhor para ele estar.
A morte de nosso filho trouxe pensamentos ruins. Acostumei-me com seu sorriso, seu cheiro, com seus gestos de carinho e amor. Afinal, foram 22 anos cuidando e amando um anjo especial limitado a uma cadeira de rodas, vítima de paralisia cerebral.
Quando nosso filho faleceu, uma grande parte nossa se foi também e foi preciso ter uma grande força para superar a dor da perda. A saudade machuca em uma terra estranha chamada coração, onde não podemos tirar com as mãos e não existe ferramenta capaz de arrancar a dor de lá.
Cinco dias após Gedeon nos deixar uma senhora veio até nós e pediu emprestada a cadeira de rodas que ele havia usado por muitos anos. Senti uma dor no coração naquele momento. A perda de nosso filho era recente e pensávamos que deveríamos deixar tudo dele intacto. Com muito receio emprestamos a cadeira de rodas e dois dias após, outra senhora nos procurou pedindo emprestada a mesma cadeira. Algo nos tocou. Aquela senhora precisava mesmo de ajuda. O filho dela precisava se locomover e naquele momento encontramos a cura para superar a perda de nosso filho.
Fomos ao ferro-velho e compramos uma cadeira de rodas com o intuito de reformá-la e doar para aquela senhora. Dois dias após, entregamos a cadeira em boas condições de uso. O sorriso dela e do filho foi a cura para nossa dor.
A palavra superação cabe muita bem na história de nossas vidas. Nosso filho Gedeon nasceu especial. Não andava e não falava mas conquistava à todos com seu carisma e amor. Tornou-se nosso mestre por contribuir com nosso trabalho de amor e dedicação ao necessitado que fazemos há dez anos.
Hoje ao reformar uma cadeira de rodas, sentimos a presença de nosso querido filho orientando a fazer o bem e nos chamando a responsabilidade em ajudar o próximo. A cada cadeira entregue, sinto seu abraço e vejo o sorriso de nosso filho refletido em forma de agradecimento de um necessitado.
A alegria de poder ajudar o próximo nos renova em forma de superação e motivação.
Senhor Sebastião. Bom exemplo de filho, marido, pai, avô e amigo. Conquistou o prêmio Bom Exemplo 2015 da Rede Globo Minas.

gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida gustavo dragunskis, fotografo belo horizonte, projeto pessoal, todo amor que houver nesta vida